Close

Poker School

Quanto apostar e quanto se comprometer com o pote no poker

Aprender quanto apostar é uma habilidade vital para o seu jogo. Apostar na quantia certa garantirá que você ganhe mais mãos e sofra menos se as coisas não forem tão bem. Há muitos fatores a considerar para descobrir o quanto você deve apostar.

É importante que você aposte a quantia certa - pois os erros podem ser caros. O tamanho da sua aposta deve estar relacionado à sua posição na mesa e ao estado das suas cartas e do flop.

Primeiramente, diríamos que uma aposta padrão antes do flop (geralmente se pensa que uma aposta pré-flop deve ser 3x o big blind) pode ser uma tática perigosa, pois é necessário que apenas alguns outros paguem sua aposta para que o tamanho do pote aumente tão rapidamente que muitos outros jogadores vão querer competir por ele. Além disso, você não será capaz de avaliar que tipo de mãos os outros jogadores têm, porque todo mundo estará apostando da perspectiva de um pote grande, e não da força de suas mãos.

Isso significa que você deve apostar de forma mais agressiva para assustar aqueles jogadores que têm uma boa mão para longe do pote. Uma aposta maior também vai ajudar você a ver a força das mãos de outros jogadores, pois somente quem tiver boas mãos permanecerá. Se você fizer uma aposta grande, isso obviamente significa que quem quiser ficar na mão precisará aumentar suas apostas também, então o tamanho do pote aumentará dramaticamente. Use isso para sua vantagem.

Está na hora de analisar com mais detalhes dois dos aspectos mais importantes das apostas:

Apostas pelo valor

Então você tem uma boa mão, mas será boa mesmo? Aqui vamos mostrar como decidir se suas cartas valem mais uma aposta, incluindo:

Formando mãos e mãos vencedoras

No poker, existem apenas dois tipos de mãos - mãos vencedoras e mãos que estão se formando (draws). Independente das suas cartas, qualquer mão que não seja a mão mais forte é tecnicamente um draw (porque você espera que melhore para a mão mais forte depois).

Então se sua mão ainda não é a vencedora, você vai ter que decidir se vale a pena correr atrás desse draw e, se valer, como você vai apostar. Isso se resume a dois fatores:

  1. Quantos outs você tem para conseguir a provável mão vencedora?
  2. Qual o tamanho do pote ou, melhor ainda, qual vai ser o tamanho do pote?

Você também vai ter que decidir o que seus oponentes têm ou podem ter. Isso vai dar a você probabilidades implícitas inversas - as chances de que a carta que faz sua mão na verdade dê a seu oponente uma mão melhor.

Calculando seus outs

Vamos mostrar como isso funciona com alguns exemplos de mãos.

Exemplo de mão #1

Flop: J♥ 9♥ 2♣
Sua mão: Q♦ 10♠

Não tem muito o que fazer aqui. O aumento das apostas no pré-flop foi agressivo, então você acha que seu oponente tem um par maior. Dois outros jogadores pagaram a aposta do oponente e ainda aumentaram, então eles podem estar em flush draw.

Então, como você calcula seus outs neste caso? Das oito cartas que podem dar a você a sequência, três não são boas (quaisquer duas que dariam o flush aos jogadores que pagaram a aposta, e a carta maior que pode dar ao oponente uma trinca). Isso deixa você com cinco outs no total.

Exemplo de mão #2

Flop: J♣ 6♦ 5♣
Sua mão: A♣ K♣

Aqui temos nove outs limpos (nove cartas de paus) e duas cartas maiores, o que significa mais seis outs. Se um Ás ou um rei vier, isso deve ser suficiente para ganhar o pote.

Mas se dois jogadores pagarem seu aumento no botão, eles podem ter K-J ou A-J. Um deles pode até ter feito uma trinca no flop.

Como você pode ver, a contagem de outs não é uma ciência exata, mas é a melhor maneira de descobrir se devemos seguir em frente ou não. Diríamos que com oito ou mais outs, você pode realmente apostar forte no flop. Sua mão é forte o suficiente para ir até o river. De fato, se você estiver em posição, faça o possível para forçar que os outros jogadores apenas passem a vez no turn.

Qual é o tamanho do pote?

Se você conhece seus outs, precisa calcular as probabilidades do pote. Lembre-se, não importa o tamanho do pote - o que importa é o tamanho que ele vai ter. Então, você precisa se perguntar: seus oponentes continuarão apostando? O jogador que pagou sua aposta no flop vai fazer o mesmo no turn (especialmente se você conseguir sua mão)?

Se as probabilidades do pote parecerem boas, então você deve jogar. De fato, se você não fizer isso, vai estar rasgando dinheiro. Mas sempre tenha em mente as probabilidades implícitas inversas.

Exemplo de mão #3

Você aumentou no pré-flop e quatro jogadores pagaram a aposta, então você decide pagar aposta no big blind.

Sua mão: 8♥ 9♥
Flop: 10♥ J♣ 4♠

Agora você pode acabar de ter conseguido uma sequência aberta no flop, mas devagar com a animação. Se o jogador que aumentou no pré-flop tiver A-K (o que não é improvável), uma dama será uma má notícia. Então jogue a mão como se você tivesse apenas quatro outs.

Valor é relativo

As segundas melhores mãos tendem a ser caras, portanto, se você receber uma carta maior, alguém não vai ter dois pares - ou se você fizer dois pares, alguém não vai ter conseguido uma sequência e assim por diante.

Também há a possibilidade de perder o draw conforme saem outras cartas (quando trincas se transformam em full houses e flushes ficam maiores). Então, se sua mão parecer forte o suficiente, você precisa pensar em se mexer agora - ou esperar e potencialmente perder sua vantagem.

Regras da mesa

Muito também vai depender do estilo de jogo na sua mesa. Por exemplo:

  • Quão solta ou conservadora é a mesa após o flop?
    Quanto mais conservadora sua mesa, mais cuidadoso você vai precisar ser para buscar seu draw e vice-versa.
  • O quão passiva ou agressiva é a mesa após o flop?
    Uma mesa agressiva torna mais caro buscar o draw. Em uma mesa passiva, você enfrenta menos repiques e vê mais cartas de graça.
  • Se você buscar e errar, você poderia blefar?
    Claro que pode - apenas não blefe com um jogador ruim ou com alguém que não possa ser blefado. Tenha certeza de que seu blefe faça sentido. Se você blefar e for pego, mostre sua mão - é uma boa propaganda.

Normalmente, quando você está buscando, faz sentido ser agressivo. Se você vai pagar a aposta, por que não aumentar? Blefar pela metade é uma jogada bastante poderosa e derruba muitos oponentes.

Quando pagar uma aposta por valor

A gente sabe - pagar aposta é difícil. Enquanto você constrói sua confiança como jogador, a última coisa que você quer fazer é ir para o mano a mano e perder.

Na verdade, esse é exatamente o tipo de coisa que você deve fazer. Se as pessoas souberem que você está preparado para jogar cartas marginais, elas vão pagar mais quando você tiver uma mão.

A coisa mais importante é que sua aposta faça sentido, com base no estilo de jogo do seu oponente e no alcance das mãos nessa situação. Se eles estão felizes em apostar com Ás-alto ou quarto par, você pode entender o que está enfrentando. Geralmente, quanto mais agressiva a aposta, maior a probabilidade de você pagar a aposta. E se você tem bons motivos para pensar que seu oponente está blefando - e as chances do pote estão corretas - você deve definitivamente pagar a aposta.

Exemplo de mão

Você está mano a mano em um flop 9♠ 7♠ 4♣. Seu oponente aposta $4 e você paga a aposta com 5♠ 6♠. O turn é 5♦ e vocês dois passam. O river é J♥ e seu oponente aposta $8.

Agora tem $68 no pote, com $16 para pagar a aposta. Portanto, mesmo se houver uma chance em três de você ter a melhor mão, o certo é pagar a aposta.

Aposta continuada

Você tem uma mão boa para dominar geral, fez a aposta e o flop... bem, o flop estragou tudo. E agora? Aqui vamos ensinar sobre a aposta continuada e como ela pode salvar você:

Por que fazer uma aposta continuada?

Em poucas palavras, uma aposta continuada é quando você aposta antes do flop porque tem uma boa mão, então um trio inútil de cartas aparece e você aposta novamente - em vez de passar ou desistir - para manter a ilusão de que sua mão ainda está forte. As razões para isso são simples:

  1. Você não quer dar aos outros jogadores a impressão de que estava no flop só pagando pra ver o que acontecia
  2. Você quer fazer a segunda aposta na esperança de que potencialmente as pessoas desistam diante de sua confiança

É uma jogada poderosa quando usada de maneira certa, o que permite ganhar muitos potes aos quais você em teoria não conseguiria, simplesmente demonstrando ter força na mão. No entanto, muitos jogadores não entendem a teoria por trás da aposta continuada, acreditando que ela deve sempre ter metade do tamanho do pote. Este não é o caso.

Quanto?

Em cash games e torneios com grandes pilhas de fichas, uma aposta continuada com o tamanho de metade do pote geralmente não é grande o suficiente para fazer o trabalho. Se a aposta não ameaça roubar um monte de fichas, os oponentes costumam pagar com mãos marginais, como flush draws ou pares médios, na esperança de ter sorte e vencer você. Eles podem até pagar a aposta na esperança de blefar mais tarde na mão - um desastre total para você.

Assim, você descobrirá que, ao fazer uma aposta continuada, é melhor garantir que sua aposta no pós-flop seja grande o suficiente para realmente colocar medo em todos, exceto nos jogadores mais confiantes - independentemente de quais cartas eles estejam segurando.

Jogar dessa maneira é uma vantagem significativa, já que é uma tática muito sensível ao contexto, então você não vai ficar repetindo isso continuamente e ganhar uma imagem de previsível, e você será capaz de fazer a maioria dos jogadores recuar relativamente rápido, garantindo que você possa ganhar facilmente alguns potes enquanto o jogo ou torneio continua.

Vamos dar uma olhada em um exemplo. Você se senta à mesa e recebe um A♠ e um K♥. Estas são boas cartas para começar, e neste momento você não tem ideia de qual será o flop, então você confia e faz a aposta. Não é uma muito grande, mas o suficiente para mostrar que você está confiante em suas cartas.

Então o flop entra e são todas cartas baixas (2-7-4) que não servem para você. Não demonstre medo, pois agora a aposta continuada está feita - uma significativamente maior que a sua aposta na abertura. O que isso diz para você é "Estou assumindo um risco", mas o que isso diz para aqueles que jogam com você é "esse jogador acabou de confirmar sua boa impressão em suas cartas, pode ser melhor deixar essa jogada pra lá".

Os benefícios de uma aposta continuada

Mostrar força, de várias maneiras ao longo de um jogo de poker, é muito valioso para você, porque você está construindo uma imagem confiante de alguém que aposta bem quando há chances. Claro, usar apostas continuadas em todas as mãos vai acabar decepcionando você, pois as pessoas vão sacar que você está apenas correndo riscos, em um esforço para intimidar. Mas fazer isso quando você tem uma mão como a acima - cartas fortes e altas, mas sem formar par - é sábio, pois é quase impossível que isso aconteça toda vez que você recebe um par de cartas.

A única coisa que vale a pena ter em mente com uma tática como essa é a enorme quantidade de risco que você está assumindo. Como mencionado acima, sua aposta continuada (uma parte suficientemente grande de suas fichas para parecer que você está botando muita fé em sua mão) mais sua aposta pré-flop mostra que você está mesmo colocando uma quantidade significativa de fichas, e se alguém quiser pagar sua aposta vai precisar ter uma mão melhor que a sua.

É uma jogada forte, e que você não deve estar disposto a fazer, a menos que consiga jogar tão bem com poucas fichas a ponto de usar uma pilha grande o suficiente de fichas para tentar um blefe ousado como este. Mas quando funciona, é um grande momento ao jogar poker, como se você estivesse literalmente roubando o cassino. A aposta continuada é a ferramenta de um mestre dos blefadores - faça uso dela.